Secretaria Municipal de Meio Ambiente cumpre determinação do DNIT e inicia remoção de lixeiras e objetos localizados às margens da BR 364 em Presidente Médici

Profissionais das secretarias de Meio Ambiente, Agricultura e Turismo (SEMAT) e Obras (SEMOSP) percorreram os dois sentidos da Rua 30 de Junho, durante todo o dia de ontem, 27, afim de dar início ao cumprimento da determinação do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), que impôs a retirada imediata de lixeiras e outros objetos localizados às margens da BR 364, principalmente entulho e sacos de lixo, proporcionando uma triste imagem aos usuários da via, focos de doença e até mesmo perigo ao tráfego.

Durante a operação, seis carretas lotadas de entulhos foram retiradas ao longo das vias e três autuações realizadas, uma vez que tão logo a limpeza foi realizada três comerciantes jogaram lixo na via que acabara de ser limpa. Eles têm 24 horas para realizar a remoção do lixo, caso contrário pagarão multa de 22 Unidades Padrão Fiscal (UPFs), no tal de R$ 933,24.

Seis lixeiras erroneamente instaladas, mesmo após seus proprietários haverem sido avisados há mais de 20 dias sobre a operação que ocorreu ontem, também foram retiradas das vias. Aqueles que, por acaso, quiserem resgatá-las devem dirigir-se à sede da SEMAT após o pagamento da taxa de uma UPF (R$ 42,42) e retirá-las.

“Todos aqueles que possuem comércio ou residem ao longo da Rua 30 de junho, nos dois sentidos, devem adequar-se às normas exigidas pelo DNIT em relação a localização de suas lixeiras e a padronização imposta pelo Código de Postura Municipal, a disposição no Portal de Transparência da Prefeitura de Presidente Médici. A vigilância acerca do depósito de entulhos e lixo nas proximidades da estrada também será redobrada, pois o descumprimento das normas pode acarretar sérias sanções do DNIT sobre a Administração Municipal”, explica o titular da SEMAT, Fábio Lopes, que completa que a coleta de lixo é realizada nesta área de segunda à sábado.

Esta semana, profissionais da Secretaria de Obras também deram início ao roçamento dos canteiros existentes no trecho da estrada ao longo da 30 de Junho.

Texto: Wilson Guedes