Presidente Médici poderá ser cidade sede do JIR 2018.

O coordenador de Esportes de Presidente Médici, Cezar Calhas, recebeu na manhã deste domingo(28), os técnicos da Superintendência Estadual da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (SEJUCEL), Julimar Melo e Katielli Medeiros, e Heleone Machado Fochezatto, representando o Conselho Estadual de Desporto e Lazer (Conedel) que estiveram no município para para uma foram avaliação geral na estrutura esportiva, hoteleira e dos restaurantes do município onde foram  observadas as condições para sediar ,ou não, os Jogos Intermunicipais de Rondônia (JIR) 2018. Cacoal e Vilhena também estão na disputa. Uma comissão formada por secretários municipais e membros de diversas pastas da administração de Presidente Médici acompanhou Calhas e os técnicos na visita afim de prestar-lhes suporte e demonstrar o interesse do município em sediar o mega evento esportivo. A expectativa é de que até 15 de fevereiro seja apontada a cidade que irá acolher os atletas este ano.

Considerada a maior a maior competição esportiva  realizada no Norte brasileiro , o evento bateu o recorde com 2.500 atletas participando em 15 modalidades individuais e coletivas, no ano passado, quando foi realizada em Ariquemes.

Além de visitar as quadras, o estádio e o ginásio poliesportivo, a comissão técnica também conheceu todas as dependências do Hotel Fazenda Minuano, que além de servir de alojamento e área de alimentação para os atletas, também servirá para a prática de algumas modalidades como natação, vôlei de praia, xadrez e tênis de mesas, a hospedagem de diretores e outras comissões.

JIR

Os Jogos Intermunicipais de Rondônia foram instituídos em 1983 pelo governo de Rondônia com objetivo de oportunizar ao atleta a continuar a praticar esportes de alto rendimento, a integração entre os municípios e o fortalecimento das federações especializadas, promovendo um intercâmbio socioesportivo entre todos os envolvidos.

Durante a competição, que dura 13 dias,  o governo estadual suporta os gastos com hospedagem e alimentação dos atletas, técnicos e arbitragem. Neste período os atletas disputam as seguintes modalidades: atletismo, capoeira, ciclismo, judô, karatê, natação, taekwondo, tênis de mesa, xadrez, basquetebol, futebol, futsal, voleibol, handebol e vôlei de praia.