Saúde

Carreta da Saúde realiza 113 exames gratuitos para Hanseníase em Presidente Médici e detecta 10 casos

O atendimento médico para a população, incluindo prevenção, diagnóstico e indicação de tratamento, foi realizado no Bairro Lino Alves Teixeira, no Centro Cultural.

A Carreta Novartis da Saúde esteve em Presidente Médici, na última sexta-feira, 3, oferecendo atendimento gratuito e exames para hanseníase, além de esclarecer dúvidas da população sobre a doença infecciosa crônica e curável que causa, sobretudo, lesões de pele e danos aos nervos. No total, foram realizados 113 atendimentos. Destes, foram detectados quatro casos novos em adultos,  dois casos novos em menores de 15 anos,  uma criança menor de 3 anos encaminhada pois não deixou fazer o exame(grande possibilidade de ser) dois casos recidivos e um caso de abandono vindo de Ariquemes. A criança que não pôde ser examinada foi encaminhada para nossa referência em Ji Paraná e todos os casos confirmados já tomaram a primeira dose,  saíram com a medicação para o mês e continuarão o tratamento entre seis meses a um ano sendo acompanhados pelas equipes da Atenção Básica.

Rondônia é o sexto estado com mais casos de hanseníase¹, que atinge cerca de 30 mil pessoas no país em um ano. A doença tem cura e o tratamento é oferecido gratuitamente no SUS.

O atendimento médico para a população, incluindo prevenção, diagnóstico e indicação de tratamento, será realizado no Bairro Lino Alves Teixeira, no Centro Cultural.

O Brasil está em segundo lugar no ranking de países com novos casos de hanseníase, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). A doença, que deveria estar erradicada, tem cerca de 30 mil novos casos em um ano no país. De acordo com o Ministério da Saúde, Rondônia é o sexto estado do país com mais casos de hanseníase¹.

Desde 2009, a Novartis possui a Carreta da Saúde, um caminhão itinerante, com cinco consultórios e um laboratório, que percorre todo o Brasil no combate à hanseníase. Atua em parceria com o Ministério da Saúde, com apoio do CONASS (Conselho Nacional de Secretários de Saúde) e do CONASEMS (Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde), buscando a erradicação da doença até 2020. Os tratamentos medicamentosos para a hanseníase também são doados pela Novartis à Organização Mundial da Saúde (OMS).

PRESIDENTE MÉDICI: UNIDADE BÁSICA DA VILA DE BANDEIRA BRANCA RECEBE HILUX PARA ATENDIMENTO À COMUNIDADE

 

A semana começou com festa para a comunidade do Bandeira Branca, distante 10 quilômetros da zona urbana de Presidente Médici. O prefeito Edilson Alencar entregou aos moradores da vila, na manhã desta segunda-feira, uma Hilux zero , a ser utilizada no programa de Estratégias de Saúde da Família, responsável pelo atendimento de cerca de duas mil pessoas, residentes na localidade, além dos KMs 15,17,20,23, 26, linhas 124 e 128, além do Setor Muqui. O novo veículo substitui o antigo Fiat Uno que atendia os funcionários da Unidade Básica de Saúde (UBS) no serviço de visitação àqueles que integram o programa e, principalmente, aos pacientes acamados como idosos, cardiopatas, diabéticos descompensados. O evento foi prestigiado pelo vereador Brito, representando os demais legisladores da Câmara local e pelo secretário Rubi Ferreira.

Os funcionários da unidade fizeram questão de agradecer ao chefe do Executivo Municipal pelo reconhecimento do trabalho executado com a entrega do novo veículo, uma vez que o sofrimento da equipe era grande principalmente no período das chuvas, quando o carro baixo não conseguia acessar várias localidades. “Agora teremos agilidade, qualidade e conforto no atendimento. Isso é primordial para que executemos nossas ações de forma ainda mais ampla e completa”, disseram eles, que costumam percorrer dezenas de quilometros para realizar as visitações.

 

Cascalhamento nos distritos e vilas

Em sua fala, o prefeito Edilson Alencar parabenizou os avanços da Saúde municipal e avisou que a partir dessa terça-feira, 24, a Administração dará início, através da Secretaria de Obras, a um serviço de recuperação de toda a malha não pavimentada dos distritos e vilas – Estrela de Rondônia, Riachuelo e Bandeira Branca – cm cascalhamento das vias. “Esse é o nosso foco: atuar na rede básica de saúde, na educação municipal e nos serviços que vão mudar, de modo prático, a qualidade de vida de nossa gente. Sempre de modo programado, sem utopias, exatamente como postamos em nosso Plano de Governo”, finalizou o prefeito.

Texto: Wilson Guedes

Fotos: Renan Mendes